Estou a amamentar: Que cuidados devo ter? – por Alison Jesus

A amamentação, tal como já referi aqui, traz inúmeras vantagens não só para a mamã como para o seu bebé, por isso é que deve ser incentivada e praticada o máximo de tempo possível. O leite materno é um alimento natural e renovável que não precisa de embalagem nem transporte, armazenamento nem confeção. Está pronto a consumir e é amigo do ambiente.
Esta fase é uma das mais especiais da vida da mulher porém ao mesmo tempo mais angustiante, pois há muitos medos e questionamentos.

Antes de mais: Se decidiu amamentar é de elogiar a sua escolha. Agora convém não entrar em pânico e aproveitar o momento pois a amamentação promove a relação entre a mãe e o seu bebé: o contacto, a atenção ajudam ao bebé sentir-se seguro, confiante e amado o que é bastante importante para o seu desenvolvimento pacífico e saudável.

A amamentação implica que a mamã tenha um bom aporte nutricional uma vez que a composição nutricional do leite depende em parte da alimentação da mãe. O teor de hidratos de carbono, proteína, gordura, cálcio e ferro estará em défice no leite se a mamã não ingerir as doses recomendadas.

A ingestão energética adequada e uma alimentação equilibrada, incluindo frutas, vegetais e alimentos de origem animal, ajudam as mulheres a passarem pela gravidez e na lactação sem grandes défices nutricionais. Nutrimentos, como ferro, iodo, ácido fólico, vitamina A e D, são mais difíceis de obter através de fontes alimentares e, portanto, as mamãs podem precisar de recorrer aos suplementos ou alimentos fortificados.

Uma das muitas questões que surgem prende-se com o consumo de peixe. De facto, recomenda-se a ingestão de peixes de pequeno porte como a sardinha, a cavala, para evitar níveis de ingestão toleráveis superiores de poluentes ambientais. O consumo de algumas grandes espécies de peixes, como o peixe-espada e o atum, deve ser reduzido, pois podem ter maiores concentrações de mercúrio.

 É importante que a amamentação seja uma prioridade em termos de saúde pública de modo a criar ambientes promotores da amamentação nomeadamente: nos locais de trabalho, serviços de saúde, locais públicos, entre outros.

Alison Karina de Jesus

Nutricionista (2874N)

facebook.com/umaquestaodealimentacao/

alisonkjesusnutricionista@gmail.com

 

Comentários


    Adicionar comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *