“Olha mamã!”

Buscar a minha M.I. à escola, é assim uma especia de caixa de bolachas da cuétara! Sei que vou encontrar uma coisa doce, mas nunca sei o que me sairá de dentro do papelinho!

Hoje a sala da M.I estava toda engalanada por uma exposição de pintura. Uma exposição que revela algum dos trabalhos feitos pelos artistas da sala.

Assim que me vê, corre para os meus braços e num abraço apertado diz-me um exigente “olha mamã!” apontando entusiasmada para as obras primas.

Como os desenhos estavam dispostos aleatoriamente,  ia-me dizendo os nomes dos amigos que os tinham feito e isso até me deixou meia abananada!

“Duáti, Nônô, Saia, Lantim, Afonho, Néné (como se auto denomina)…

image

image

imageE eu feita parva, de boca aberta! Tivesse ela 6 anos e eu diria que estava a ler! A memória destas minhoquinhas é de facto notável!

Mãe babada é também mãe insuportável, porque acha tudo lindo e fantástico na sua cria e eu não sou excepção. Aqui fica a partilha dos trabalhos da minha artista!

image

image

Para quem não tem filhos deve ser uma espécie de “ai que lindo, são sarrabiscos numa folha de papel”. Mas quem tem filhos, consegue ver nos desenhos deles o mundo! O deles e do nosso!

Até já,

Vossa

J!

 

 

 

Comentários

  1. Ana Sá

    24 Julho de 2015 às 21:50

    Responder

    Uma verdadeira artista a pequenita Maria Inês 😉
    Beijinhos para a mamã e para a pequenita.

    • Joana Teles

      28 Julho de 2015 às 0:02

      Responder

      Obrigada Ana 😉
      Beijinho grande


Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *