Mulheres vs Homens

– “Onde está a manteiga?”

– “…mesmo à tua frente!! Na prateleira de cima do frigorífico, junto ao queijo e por baixo do ramo de salsa! Cegueta!!!”

 

– “….viras à esquerda na rotunda, segues em frente, viras  na 3a saída à tua direita e estás lá!”

-“…viras onde tem a loja da Zara, depois tens uma rotunda onde até vês do teu lado direito uma perfumaria, segues sempre em frente e quando estiveres com uma sapataria do teu lado direito, viras logo!”

 

_ “Querida, tu hoje estás maravilhosa!Os teus olhos de mel, a tua boca de framboesa, as tuas coxinhas de frango com sabor a piri-piri….”

_”Chega para lá que hoje não me apetece!Seu insensível!! Não percebes que não cheguei a tempo de comprar a blusa que queria nos saldos?!!NÃO ENTENDES ISSO HÃÃ??!”

 

– “Amor, enquanto estás aí ao computador a fazer esse gráfico, podes ligar para o homem do gás, que a caldeira está a pingar? E já agora, toma conta do Martim que está aí no chão a brincar sff!”

– O que o homem ouviu “Amor, enquanto estás aí ao computador a fazer esse gráfico, podes…..piiiiiiiiiii…..(silêncio absoluto)…”

 

Acho que não tiveram dúvidas quanto a quem corresponde cada uma das frases dos diálogos! Adoro a temática “mulheres vs homens”, porque permite-nos perceber muita coisa e divertirmo-nos bastante com isso!

As mulheres passam o tempo todo a lutar para que as vejam com as mesmas capacidades que os homens (para tentarem vingar num mundo que devia ser igual) e os homens, passam ao tempo todo a tentar mostrar que são superiores às mulheres! Tempo perdido para  ambos! Os homens e as mulheres são diferentes entre si. Ponto! E a diferença está comprovada por cientistas, sociólogos, antropólogos…

A questão é, sendo tão diferentes, como não passamos sem eles e eles sem nós?! Simplesmente…não conseguimos!

 

É verdade que as mulheres podem nem reparar que o pneu do carro está em baixo; que o sinal da revisão não pára de piscar no painel do carro e que há um caminho bem mais direto para casa! Mas são capazes de encontrar uma meia suja caída no chão,  ao mesmo tempo que mudam a fralda do bebé e veem a sua série favorita! E quando entram numa sala, bastam 5 segundos para verem toda a gente! Toda!

 

 

Quando aos homens, é verdade que quando se perdem são incapazes de parar para perguntar o caminho! Em vez de o fazerem, agarram-se ao volante, põe a língua de fora e esbogalham os olhos! “Eu vou conseguir!Nem que ande aqui até amanhã de manhã…mas eu vou conseguir!”. Por outro lado, teem a capacidade de conseguir  estacionar o carro num lugar onde cabe um alfinete e são capazes de ver uma agulha prateada caída num tapete cinza! No entanto, são incapazes de encontrar à primeira, o açucareiro que está mesmo  no meio da mesa!

A diferença deste comportamento é uma média claro está, mas assenta numa evidência simples: as mulheres teem uma visão mais periférica e os homens uma visão em túnel! E quanto à capacidade de orientação? Os homens teem uma capacidade mental de imaginarem um mapa e de se “moverem” nele! Empresas que fabricam gps´s? Agradecem-nos por existirem!

Está comprovado que a forma como o cérebro dos homens e das mulheres funciona, é diferente! A nível comportamental e biológico! Por exemplo, em repouso, 70% do cérebro dos homens desliga. Nas mulheres apenas 10%. Isto significa que estamos constantemente a receber informações e a analisá-las. Por isso, cuidado como chegam a casa depois de uma noitada.!Nós estamos a dormir…mas apenas uma parte! Muahahahaha!!

Somos capazes de ver se trazem um cabelo que não vos/nos pertence, antes mesmo de passarem com os dois pés na porta!! E não ousem em nos mentir cara a cara! As mulheres conseguem ler os sinais não verbais, que representam cerca de 70% de uma mensagem! Por isso nada de pôr as mãozinhas atrás das costas, bater com o pézito ou desviar o olhar para o lado direito, quando disserem que estiveram a noite toda a jogar às cartas em casa do Francisco Manuel! Nós sabemos muito bem que estiveram num torneio de futebol da playstation!! Seus miúdos!!!

A forma como pensamos, acreditamos, percepcionamos e nos comportamos, tem tudo a ver com o nosso cérebro! E porque este tema tem muito que se lhe diga, farei uma 2ª parte!

Isto acontece convosco?

comandoshomemmulher1595

Beijinhos 😉

Vossa

J!

Comentários

  1. Sónia Caetano

    21 Janeiro de 2014 às 13:56

    Responder

    Que coisa tão bem retratada… tempo perdido mesmo… quando é que ELES aprendem??? eheheheh! 😀

    • Joana Teles

      21 Janeiro de 2014 às 14:51

      Responder

      Ai Sónia! Não tenho resposta para isso! São uns tontinhos, mas precisamos deles ;)! Beijinhos e até já!

  2. Mónica

    21 Janeiro de 2014 às 14:17

    Responder

    Boa tarde Joana Teles, olha gostei muita desta observação, acho brutal como conseguiste descrever a cumplicidade que une o homem e a mulher. O que escreveste descreve o dia-a-dia e é mesmo assim. LOL . Foi a primeira vez que visitei o teu blog e gostei muito.

    Com os melhores cumprimentos, Mónica Pereira

    • Joana Teles

      21 Janeiro de 2014 às 14:53

      Responder

      Olá Mónica! (posso deixar o Pereira de lado?) Bem-vinda! Fico muito contente que tenha conseguido esse efeito! E ainda há tanto para falar sobre este tema!Por isso, tenho mesmo de voltar a escrever sobre ele! Espero voltar a vê-a aqui no blog! Beijinhos e até breve!

  3. Carlos Miranda

    21 Janeiro de 2014 às 16:04

    Responder

    (…) adorei a comparação, embora não concorde de todo com um ou dois itens e apenas por experiências próprias.
    Muito se tem escrito e dito sobre o poder extraordinário que as mulheres têm em desempenhar várias tarefas em simultâneo, mas ainda há-de nascer aquele que me vai conseguir provar, de forma prática, que isso é possível. :) Todos sabemos que “mulher ao volante e a maquilhar-se” dá em acidente. Acho que é meramente um mito urbano!
    Quanto ao poder de orientação, no masculino, estou inteiramente de acordo, embora tenha um familiar – também no masculino – que sempre que se desloca a Lisboa deixa o carro no Parque das Nações, alegando que o faz apenas por questões puramente económicas. Gostava que ele me explicasse porque é que depois gasta 20€ em táxis. :)
    Fico à espera da 2ª volta :)
    Beijos.

    • Joana Teles

      21 Janeiro de 2014 às 16:27

      Responder

      Como em tudo, não há regra sem excepção Carlos! É o seu caso e o do seu familiar! Os taxistas agradecem ;)! Beijinhos e até breve!

  4. Rosa Maria Oliveira

    21 Janeiro de 2014 às 16:09

    Responder

    O meu marido é exatamente assim. Até as coisas que ele guarda, me pergunta onde se encontram. Aí, eu passo-me. Mas já me convenci que não há nada a fazer. Como diz o ditado “burro velho não toma andadura e se a toma, pouco dura”. Bjs Joana

    • Joana Teles

      21 Janeiro de 2014 às 16:29

      Responder

      Rosa, são quase todos assim! Anime-se, que não é a única ;)! É também por isso que eles precisam tanto de nós! Beijinhos!

  5. João Martins

    22 Janeiro de 2014 às 12:09

    Responder

    Pois é……. muito se fala e se diz sobre esta tematica….. o perfeito (principe /princesa) não existe. Eu vai fazer 26 anos (4namoro e 22 de casado) que vejo algumas arestas na minha mulher que necessitavam de ser limadas….. mas depois vejo as qualidades dela, e as mesmas superam essas arestas….. enfim não posso viver sem ela….
    Bjs

    • Joana Teles

      22 Janeiro de 2014 às 15:11

      Responder

      Bem -vindo João! Mas a perfeição não existe, de facto! E a velha máxima de “os opostos atraem-se” verifica-se na prática ;)! Beijinhos e espero voltar a tê-lo por cá!

  6. João Martins

    22 Janeiro de 2014 às 17:04

    Responder

    Obrigado Joana. É claro que vou continuar no blog e face. E muitas felicidades e saúde para nos poder continuar a escrever.
    Háaa, e se algum dia vier ao Alentejo (Elvas) é só dizer que terei muito gosto em lhe mostrar a maravilhosa cidade e sua gatronomia.
    bjs
    JM

    • Joana Teles

      22 Janeiro de 2014 às 17:21

      Responder

      Vou cobrar João ;)! Muito obrigada e até já!

  7. João Martins

    22 Janeiro de 2014 às 17:46

    Responder

    É só dizer. Agora tinha sido boa altura para patinar com a filhota na maior pista de gelo (coberta) da Peninsula Iberica (todos os anos desde Dezembro até meados de Janeiro)…
    bjs
    JM

  8. Helena Guerreiro

    14 Fevereiro de 2014 às 9:46

    Responder

    Gosto muito do seu trabalho. Considero-a das melhores apresentadoras da tv. Espero vê-la com regularidade.

    • Joana Teles

      14 Fevereiro de 2014 às 18:40

      Responder

      Helena, muito obrigada pelas suas palavras! Trabalho para as pessoas e ter este reconhecimento da sua parte, deixa-me muito feliz! Beijinhos e espero vê-la mais vezes aqui pelo blog 😉


Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *