Sabor a sal!

“Tens de tomar um banho de sal!; “Isso só lá vai com um banho de sal “; “…depois acontecem-te coisas boas!”

Foram várias as pessoas que me recomendaram esta mezinha! E caramba, se tanta gente fala disto… alguma coisa há-de fazer! Embora não seja muito dada a esoterismos, tive curiosidade em experimentar e procurei logo a lógica da coisa! Então é assim! O sal é um cristal que emite ondas electromagnéticas e que, supostamente, neutraliza os campos electromagnéticos negativos. Okay…até aqui….

Fiquei também a conhecer a história associada a estes banhos…

Na tradição africana, quando alguém muda de casa, entram com um copo de água e outro com sal. Também é costume deixarem sal atrás da porta para puxar a energia negativa de quem entra.

No Japão (quero tanto ir conhecer o Japão!Tantoooo!!), o sal é considerado um poderoso purificador. Agora percebo porque os lutadores de sumo mandam sal para o ringue! (só não percebo é o desporto em si, mas pronto!)Pretendem com isso que a luta seja leal!

E se retrocedermos mais na história, o Hipócrates já recomendava que os seus pacientes tomassem banhos de sal!

Há luz da medicina atual, o banho de sal tem efeitos positivos sobre o sistema nervoso, muscular e como aliado na eliminação das toxinas do organismo. E tudo porque o maior órgão do nosso corpo, a pele, permite a absorção dos sais.

Ora, tendo em conta que isto me pareceu plausível, decidi experimentar. Tinha parte da manhã livre, por isso lá fiz o que manda a regra!

Peguei em sal grosso (para temperar.Que sugestivo!), três punhados de sal e banheira com ele!

Pus a “minha” Diana Krall a cantar e toca de me banhar.!

Fiquei uns bons minutos de molho, que isto de banho de imersão é coisa fina e rara! Além do mais, sou amiga do ambiente e já que tinha gasto tanta água, ao menos que a aproveitasse!

Dizem que temos de estar totalmente submersos (exceção para a cabecita, claro) e após o banho, devemos passar o corpo por água tépida, de forma a mandar fora as energias negativas! Depois tiramos o excesso de água com ligeiras pancadinhas.

Resultado:

Para além do óbvio relaxamento que qualquer banho de imersão proporciona, senti-me tranquila, bem-disposta e com uma paz tremenda! Pode ter sido coincidência, mas o que é facto, é que mudou qualquer coisa!

E a propósito de dizerem que depois aconteciam coisas boas…Fui buscar a M.I ao berçário, e nisto ela diz a primeira palavra! Cocó. Simplesmente cocó.Pode ser uma coisa boa…depende da perspetiva!

Agora vou dormir que amanhã há reportagem pela matina! Depois conto-vos os bastidores ;)!

Vossa

J!

 

 

Comentários

  1. David

    15 Janeiro de 2014 às 11:00

    Responder

    já experimentei na Ilha do Sal, é simplesmente maravilhoso, relaxa e esfolia a pele. Um bom dia Joana e ótimo trabalho

    • Joana Teles

      15 Janeiro de 2014 às 12:42

      Responder

      Olá David!De facto, seguindo o contexto, a ilha do Sal parece ser o local onde tudo isto faz sentido!A foto que tenho corresponde a São Tomé e Príncipe. Um paraíso também! Obrigada pela mensagem e por vir ao blog ;)!

  2. José (kok)

    15 Janeiro de 2014 às 11:53

    Responder

    Então bom dia.
    Dois pensamentos me sugerem este seu banho salgado.
    1-que os nativos e habitantes das margens do mar morto devem ter uma vida completamente relaxada.
    2-que a primeira palavra da M indicia vir a ser uma criatura despojada de… digamos, de coisas fúteis e desinteressantes.

    É sabido e mais ou menos aceite que dentro de rituais e costumes há procedimentos que ajudam o corpo e também o espírito. Aliás a cultura chinesa é disso um bom exemplo.
    Um banho de sal nunca me seduziu, (e um de chocolate -por exemplo- ainda menos. Mal empregado chocolate)!
    Será por isso, a existência do sal, que o mar é tão apelativo e nos sentimos tão bem nas praias?

    • Joana Teles

      15 Janeiro de 2014 às 12:46

      Responder

      Olá José! Pensamentos interessantes, de facto e cheios de sentido! Julgo que o mar tem esse efeito em nós, por causa do sal, e por ter mais 79 elementos químicos. Usufruimos de todos eles quando tomamos um belo banho de mar! E que saudades tenho disso! Obrigada pela mensagem e por ler o meu blog :)

  3. Gonçalo

    17 Janeiro de 2014 às 17:43

    Responder

    È ai que vais buscar a boa disposição e a Paz? Reza também um pouco e serás uma pessoa totalmente Zen. Um Beijo

    • Joana Teles

      17 Janeiro de 2014 às 23:09

      Responder

      Olá Gonçalo! Bem-vindo ;)! De facto, ajuda muito! Vou fazê-lo mais vezes! Beijinhos e até breve!


Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *